terça-feira, 5 de maio de 2015

Vereador com salário de R$ 8 mil recebeu Bolsa Família por 20 meses


 


Se não bastasse os R$ 8 mil que embolsa todo mês como vereador de Jacobina, o petista Ronivon Souza, mais conhecido como Roni do Junco, ainda queria mais. Continuou recebendo o benefício do programa Bolsa Família até um ano e oito meses depois de assumir uma cadeira no Legislativo municipal. O valor era recebido pela mulher do vereador, Rute Almeida Rios de Souza, funcionária pública da Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), desde 2012.
Durante os 20 meses, o vereador arrecadou mais de R$ 1,5 mil. Diante do salário do vereador, o benefício é inferior, mas a questão ética é muito maior. Além de ser funcionária pública, a mulher do petista possui em seu nome uma microempresa, uma loja de materiais de construção em Jacobina, há cinco anos.Logo após as eleições de 2012, o Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) deu início a uma pesquisa cruzando dados dos beneficiários. Considerando só a lista de eleitos, mais de 2 mil políticos foram localizados, dentre eles 10 prefeitos. De acordo com o artigo 25 do decreto 5.209/04, que regulamenta o Bolsa Família, o beneficiário do programa perde o direito ao recebimento quando ocorre “posse em cargo eletivo remunerado, de qualquer uma das três esferas de governo”.
Em agosto de 2014, o MDS notificou a mulher do vereador, no entanto o MDS solicitou o ressarcimento de apenas R$ 314 para pagamento em 60 dias. O edil ressarciu os cofres públicos e continua atuando sem nenhuma punição no Legislativo municipal.
A reportagem tentou contato com o vereador, mas não teve as ligações atendidas.




VEJA BAIXA GRANDE, MARCELO BARBOSA JP

Pizzolato diz que prefere "morrer" a cumprir pena no Brasil

 


 

Pizzolato diz que prefere "morrer" a cumprir pena no Brasil Antonio Cruz/ABR
Henrique Pizzolato, ex-diretor do Banco do Brasil condenado no caso do mensalão, afirma que prefere morrer a ir a uma prisão brasileira, segundo relato do senador italiano Carlo Giovanardi, que esteve nesta segunda-feira com ele na prisão de Modena, no norte da Itália.
A nota divulgada pelo parlamentar após o encontro afirma: Pizzolato "prefere morrer a descontar a pena por anos em uma penitenciária do Brasil".
Pizzolato fugiu do Brasil depois que foi condenado a doze anos e sete meses de prisão por conta do escândalo do mensalão. Mas acabou sendo preso na Itália e, depois de 18 meses de um processo legal, teve sua extradição aprovada pelo governo de Matteo Renzi na semana passada.

Itália autoriza extradição de Pizzolato, condenado no mensalão
O encontro desta segunda ocorreu na presença de seu advogado Alessandro Sivelli e o senador aproveitou para pedir que o governo italiano reavalie sua decisão.

— A medida coloca em risco a vida de Pizzolato, que se colocou à disposição de cumprir a pena na Itália, mesmo com o legítimo pedido de revisão do processo em que foi envolvido no Brasil — declarou o senador.
— Pizzolato obteve a negação da extradição da Corte de Apelo de Bolonha enquanto a Corte de Cassação jogou a decisão para o governo italiano que, incompreensivelmente, estabeleceu que Pizzolato, cidadão italiano, deve ser extraditado ao Brasil em 11 de maio — disse o parlamentar.


Novo grupo político pretende dar um Up na política de São Gonçalo


Sandro Araújo | 10:56:00 AM |
O novo grupo político de São Gonçalo dos Campos foi idealizado pelo presidente do PT - Partido dos Trabalhadores/São Gonçalo, o Sr. Teodorico Fernandes de Oliveira, vereador Rogério Falcão, também petista, e o prefeito Antonio Dessa Cardoso (PSD), além de outros integrantes.

A reunião para a oficialização do grupo aconteceu na noite desta quarta-feira (29/4) no Rancho Dona Flor, na localidade do Cedro, zona rural da cidade. Políticos, representantes de comunidades e associações, além de membros da sociedade civil também estiveram presentes, e testemunharam a criação do grupo. Esta foi a terceira reunião organizada, e a quarta já está com data marcada, que será no próximo dia 6 de maio, no mesmo local.

De acordo com informações de bastidores, o grupo é uma aposta para decidir o futuro político de São Gonçalo. "O grupo é neutro e o intuito é apresentar alguns candidatos ao cargo de vereador, escolher um nome para o cargo de prefeito, e trabalhar os nomes até junho de 2016. Se o nome para prefeito emplacar, será o candidato do grupo para as próximas eleições. Caso não emplaque, o grupo escolherá outro nome, desde que seja o melhor para São Gonçalo, iremos fazer a composição e apoiar", disse Furão.

Ainda de acordo com o prefeito, ele prestará seu apoio ao grupo e aos possíveis candidatos como coadjuvante, pois suas atenções também estarão voltadas, a partir de junho deste ano/2015, para o seu filho, o jovem João Pedro, que almeja o cargo de prefeito na cidade de Conceição da Feira.

O grupo foi batizado pela sigla GM (Grupo dos Mortos) mortos políticos. O nome se deu devido aos rumores de que tanto o prefeito quanto alguns outros políticos que integram o grupo, estão mortos politicamente. "Vamos ver aí o que vai dar. O GM pode até não fazer um prefeito, mas com certeza vai decidir as próximas eleições", disse Furão. De acordo com Teodorico Fernandes (PT), as reuniões estão sendo promissoras.

O prefeito Antonio Dessa está rompido com o governo do estado, e os motivos por ele apresentados são principalmente as obras inacabadas na cidade. Se esse rompimento não for um empecilho, existe uma grande possibilidade que o prefeito se desligue do (PSD) e aceite o convite do vereador Rogério Falcão, que é filiar-se ao (PT), atual governo do estado e País. O caso está em análise.

Clima de disputa para as eleições de 2016 é antecipado em Itabuna










Dengue cresce 234,5 % no Brasil e ultrapassa 745 mil casos em 2015

A região Sudeste apresenta o maior número de casos da doença. Na Bahia foram registrados 20.746 casos com um óbito


oras.co
de 745 mil casos de dengue já foram registrados no Brasil desde o início de 2015 até o dia 18 de abril, aponta dados divulgados pelo Ministério da Saúde. Esse número representa um aumento de 234,5% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram registrados 223,2 mil notificações da doença.
dengue
Dengue cresce 234,5 % no Brasil e ultrapassa 745 mil em 2015(Arquivo/Agência Brasil)
A região Sudeste apresenta o maior número de casos da doença, com 575,3 casos para cada 100 mil habitantes (489.636 casos no total). O Nordeste vem em terceiro lugar com com 173,7 para cada 100 mil habitantes (97.591 casos no total). Na Bahia foram registrados 20.746 casos com uma morte.
De acordo com o Ministério da Saúde, foram confirmadas 229 mortes causadas pela doença nas 15 primeiras semanas do ano, um aumento de 44,9% em relação ao mesmo período de 2014, quando foram registradas 158.

segunda-feira, 4 de maio de 2015

TLC. Bomfim está em casa e bem

A comunidade de Santo Estevão foi surpreendida, com a informação de que Antonio Bomfim havia sofrido um  acidente 
quando  trafegava com sua moto nas ruas de Santo Estevão..
  Foi  levado para Salvador. onde foi submetido  a uma cirurgia e hoje se encontra, em casa, bem  para a alegria de todos

Bomfim  é participante das pastorais da igreja  e membro do TLC, onde se destaca por sua vontade de trabalhar.

Violência doméstica: 80% das mulheres não querem o agressor preso


 

Entre as alternativas apontadas por essas vítimas, 40% disseram que os agressores devem fazer tratamento psicológicos e/ou com assistentes sociais

Pesquisa da Secretaria de Assuntos Legislativos do Ministério da Justiça revela que 80% das mulheres agredidas não querem que o autor da violência seja punido com prisão. A pesquisa “Violência contra a Mulher e as Práticas Institucionais” apurou também as condições de Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra Mulher, criados pela Lei Maria da Penha, e  Defensorias Púbicas em 11 cidades de seis Estados brasileiros.
Entre as alternativas apontadas por essas vítimas, 40% disseram que os agressores – com quem ela mantém ou manteve uma relação doméstica, familiar ou íntima de afeto – devem fazer tratamento psicológicos e/ou com assistentes sociais, 30% acham que eles deveriam frequentar grupos de agressores para se conscientizarem, 10% acham que a prestação de serviços a comunidade é a melhor alternativa penal.
Os pesquisadores também apuraram que 9% das mulheres acreditam que tenham feito alguma coisa para ‘merecer’ a agressão. “9% me parece que é um número significativo e que merece atenção do poder público”, diz Cristiane Brandão, professora Direito Penal da Universidade Federal do Rio de Janeiro e coordenadora da pesquisa. Ela explica que o número é um sintoma da sociedade brasileira, “machista e patriarcal”.
“Esse número não quer dizer que elas se sintam a causadora da agressão, como se os homens tenham que se defender delas, mas elas tentam remediar a situação atribuindo a violência a outros fatores. Ela pode dizer que foi negligente na relação, não deu atenção ao companheiro, não cuidou do asseio das crianças. Ela se convence de que de algum modo se omitiu no papel estipulado ao gênero”, diz Cristiane.
Para Cristiane, a prisão também não é a melhor alternativa. “A função do Judiciário não é só impor uma pena de reclusão, que impede que ele pague a pensão para o filho, e joga o agressor em um ambiente extremamente machista e que fomenta a violência.  O Estado tem que atuar mais na prevenção, pensar em medidas que viabilizem uma educação não sexista a médio e longo prazo”, diz.
A coordenadora da pesquisa elogia a utilização de grupos de reflexão, no qual homens culpados de agressão frequentam reuniões acompanhadas de psicólogos e assistentes sociais para entender a cultura machista em que estão inseridos e a violência que praticaram.  “A medida está sendo muito bem vista porque força o sujeito a comparecer nessas reuniões. Ele acaba ouvindo outro lado, que ensina a não permanecer na violência, até porque muitas vezes ele nem sabe como sair desse ciclo”, diz.
Assassinatos cresceram em 237% em 30 anos
De acordo com o Mapa da Violência 2012 (o mais recente), entre 1990 e 2010 foram assassinadas cerca de 91 mil mulheres – 43,5 mil só na última década. Em 30 anos, o número de assassinatos de mulheres cresceu 1.353 para 4.297, um aumento de 217,6%. Com taxa de 4,4 mortes para cada 100 mil mulheres mortas, o Brasil ocupa a 7ª colocação entre 84 países. O primeiro é El Salvador, com taxa de 10,3 mortes para cada 100 mil mulheres.
Em 2010, o Espírito Santo apresentou taxa de 9,4 homicídios para cada 100 mil mulheres e encabeça a lista dos Estados onde a mulher corre mais risco de morrer. O ranking indigesto é composto ainda por Alagoas (8,3 mortes para cada 100 mil) e Paraná (6,3).O Mapa aponta ainda que no ano de 2011 o País registrou 73.633 atendimentos relativos a Violência Doméstica, Sexual e/ou outras Violências. Deste total, 48.152 (65,4%) eram de mulheres e 25.481 (34,6%) de homens. “Praticamente duas em cada três pessoas atendidas no SUS nessa área são mulheres”, diz o relatório.
Além disso, o Mapa da Violência indicou ainda que 68,8% dos casos de feminicídio aconteceram dentro de casa.  Em relação aos casos de agressão contra mulheres entre 20 e 49 anos, o levantamento indicou que em mais de 65% deles os responsáveis eram parceiros ou ex-parceiros.
Em março deste ano, a presidente Dilma Rousseff (PT) sancionou a lei do Feminicídio, que prevê penas mais duras para casos de assassinatos em razão do gênero.



.
“O que mais me chamou a atenção na realização dessa pesquisa foi notar a pouca preparação do Poder Judiciário para lidar com casos de violência doméstica, apesar de a lei Maria da Penha estar em vigor desde 2006. Falta um atendimento especializado, com escuta mais humanizada e com apresentação de soluções viáveis e que fujam ao esquema de resposta criminal a um problema tão complexo”, afirma Cristiane.
Uma equipe de 11 pesquisadores avaliou as condições dos Juizados e Defensorias em 11 cidades nos Estados do Pará, Alagoas, Rio de Janeiro, São Paulo, Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul. A pesquisa demorou oito meses para ser concluída.


Na cidade do Rio de Janeiro, por exemplo, o levantamento aponta que o Tribunal de Justiça recebeu 31.083 novas ações em 2011, atingindo geral de 49.229 processos durante o ano, e tiveram 14.804 sentenças proferidas.  Nas demais comarcas do Estado, foram 57.487 de novos processos naquele ano, obtendo-se um total de 66.571 ações, com 26.172 sentenças proferidas. Só no Juizado de Violência Doméstica e Familiar da cidade do Rio de Janeiro foram abertos 13.635 novos processos.
Mas o número de processo não é acompanhado por quantidade de funcionários suficientes, diz a pesquisadora Cristiane.
“É uma rotina de pressa no julgamento, falta de profissionais no cartório, número de defensores suficientes para atender essa mulher e falta de capacitação exclusiva para promover uma escuta humanizada”, afirma. “Hoje, na Defensoria de muitos juizados visitados, só temos e quando temos um único defensor para atender a vítima. Muitas vezes, elas são atendidas por estagiários, sem conhecimento técnico suficiente e, muitas vezes, sem a compreensão ideológica necessária”, diz Cristiane.
Nas Defensorias, a pesquisa cita como exemplo o Estado do Paraná, que até dezembro de 2013 contava com dez defensores, mas nenhum que atuasse perante o Juizado de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher. Em São Paulo, cita o relatório “a Defensoria Pública conta com ao todo 610 defensores, mas apenas uma atua integralmente no atendimento à vítima, e outra acumula esta função com outra perante o órgão em que atua”.
Além disso, o relatório cita problemas como “falta de informações precisas e adequadas, atrasos, cancelamentos não informados e faltas injustificadas por parte dos defensores, horários de atendimentos conflitantes com horário médio de trabalho das mulheres e dificuldade de cumprimento de medidas protetivas, em função do despreparo policial/oficial de justiça”. Medidas protetivas são determinações judiciais para proteção das vítimas, como determinação de afastamento.
“Muitas vezes há a dificuldade no cumprimento das medidas porque o agressor não acha importante cumprir, acha que não pode gerar prisão ou não acredita nas implicações. Mas, por outro lado, não é possível fazer uma fiscalização constante e eficiente para todos Estados. Há inúmeros casos de femínicidio [assassinato de mulheres em razão do gênero] em que tinham medida protetiva. Não é a medida protetiva que vai garantir integridade e vida até porque não é possível colocar um policial na porta de cada mulher que tem a medida”, diz Cristiane.
Fonte: Tribuna da Bahia

Quatro mulheres e um namorado: veja o que deu


  • Arquivo pessoal
    Bem resolvidas, felizes e sempre juntas, as amigas garantem que a risada rola solta ao falar do ex - Foto: Arquivo pessoal
    Bem resolvidas, felizes e sempre juntas, as amigas garantem que a risada rola solta ao falar do ex
"Dos limões fizemos uma caipirinha". É com esse bom humor que Silvana Mattievich, 44, define a história dela e a de outras três mulheres, Roberta Rodrigues, 43, Marjory Queiroz, 23, e Jéssica Vilas Boas, 25. O que elas tinham em comum? O mesmo namorado. Isso mesmo! Só que uma não sabia da outra. As quatro eram enganadas pelo senhor Balela Fast, como chamam o ex. O "balela" é por causa das mentiras e o "fast" (rápido, em inglês) fica por conta do desempenho sexual do rapaz.

"Ao abordar as outras, fiz com cuidado, porque percebia que éramos enganadas por um psicopata. De imediato, rolou uma empatia entre a gente", explica Silvana, a responsável por desvendar o 'segredo'.

Ao descobrirem que eram traídas - as quatro eram namoradas de fato, com direito aos mesmos privilégios (presentes iguais, viagens, e declarações de amor) e os mesmos problemas -, de 'enganadas' passaram a ser amigas e viraram o 'Quarteto Fantástico'.

O primeiro encontro aconteceu no fim de janeiro deste ano, quando planejaram a vingança contra Balela. Postaram juntas nas redes sociais e marcaram o safado.

"A gente sempre se apoia uma na outra. Vivemos juntas essa história apenas nos fortalece", diz Jéssica, a baiana do grupo. Já Marjory acredita que o Sr. Balela teve apenas a missão de unir as quatro. "Hoje me preocupo muito com elas. Somos inseparáveis. Ele serviu apenas para nos unir".

Roberta, a menos falante do grupo, é categórica: "Tem coisas que a gente não perde, se livra. Não é porque passamos por uma situação dessas que vamos nos abater".
A lição que elas tiraram da história? "É preciso dar um basta a uma situação quando causa sofrimento", finaliza Marjory.
 


domingo, 3 de maio de 2015

Eleitor tem até segunda-feira, 4, para regularizar o título

Quem não votou nem justificou nas três últimas eleições, tem até esta segunda-feira, 4, para regularizar a situação com a Justiça Eleitoral, evitando o cancelamento do título de eleitor.
Os eleitores devem consultar se o documento está sujeito ao cancelamento no portal do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia. É só acessar a seção 'Serviços ao Eleitor' e clicar na opção 'Situação Eleitoral'.
O eleitor que estiver em falta com a Justiça Eleitoral perde uma série de benefícios. Não poderá obter passaporte ou carteira de identidade; inscrever-se em concurso público ou tomar posse no respectivo cargo; conseguir empréstimos em instituições oficiais de crédito; renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo, entre outros benefícios.
 

NOVO ANTICORPO REDUZ CARGA DE HIV


Com um potente anticorpo específico para o HIV, um grupo internacional de cientistas, com participação brasileira, conseguiu diminuir a carga do vírus da aids em pacientes por 28 dias.

O estudo, que descreve um teste clínico de pequenas proporções, foi publicado na quarta-feira, 8, na revista Nature. Os pesquisadores brasileiros Julio Lorenzi e Lilian Nogueira, da Universidade Rockefeller (Estados Unidos), estão entre os autores do trabalho.

A imunoterapia do HIV – na qual os pacientes são inoculados com anticorpos que lutam contra o vírus – mostrou-se no passado pouco eficaz em testes pré-clínicos e clínicos.

No entanto, uma nova geração de anticorpos neutralizantes do HIV, mais potentes e abrangentes, tem mostrado que podem impedir a infecção e suprimir o vírus em estudos com camundongos e primatas não humanos. Seu potencial para a imunoterapia de HIV em humanos, porém, ainda não foi avaliada.

O novo estudo, coordenado por Michel Nussenzweig, da Universidade Rockefeller, mostra que o anticorpo 3BNC117 se mostrou seguro e bem tolerado em doses experimentais, em um teste clínico de fase 1, em 12 indivíduos não infectados e 17 indivíduos infectados pelo HIV. De acordo com os autores, o anticorpo reduziu a carga do vírus no sangue dos pacientes por 28 dias.

Região tem 5 cidades entre mais violentas



 
camacancom menos de 50 mil habitantes no estado. Canavieiras, Camacan (foto), Ubatã, Uruçuca e Una estão entre os municípios baianos mais violentos em 2014 dentro desta faixa de população. Os dados são da Secretaria de Segurança Pública da Bahia. 

      Eles mostram que no ano passado foram registradas 29 mortes violentas em Canavieiras. Foram 28 assassinatos e um latrocínio, que é o roubo seguido de morte. Houve ainda 6 tentativas de homicídio, 3 roubos de carro e 9 furtos. 
      O boletim anual de Secretaria de Segurança Pública, ao qual o Jornal das Sete, da rádio Morena FM, teve acesso, não informa quantos acusados de homicídio foram presos nem quantos carros foram recuperados. Mas os números são graves para o tamanho da cidade. 
      Em Ubatã foram 21 mortes violentas no ano passado, sendo 20 assassinatos e um latrocínio. Houve ainda 9 tentativas de homicídio. Em Una foram 19 mortes violentas e 15 tentativas de assassinato. 
      Em Uruçuca foram registrados 17 homicídios e três tentativas. Já em Camacan a quantidade de tentativas superou o número de assassinatos. 18 pessoas foram atacadas e conseguiram escapar, enquanto 15 foram assassinadas. 
      Menos roubo 
      Se a violência continua alta, caiu o número de veículos roubados e furtados em Itabuna e Ilhéus em 2014, em relação ao ano anterior. No ano passado foram roubados 35 carros e motos a menos em Itabuna que em 2013, que teve 378. 
      No ano passado 343 motos e carros foram roubados no município. Já os furtos caíram de 123 para 97. Foram furtados 26 veículos a menos em Itabuna em 2014. Em Ilhéus a queda na quantidade de carros e motos roubados e furtados no ano passado foi ainda maior, menos 46 ocorrências. 
      Em 2013 roubaram 109 veículos, contra 91 no ano passado. O número de furtos baixou de 105 para 77. O balanço da Secretaria de Segurança Pública da Bahia não traz informações sobre a quantidade de veículos recuperados. 
      O dado grave foram os mais de 500 assassinatos em 2014 nas cidades abrangidas pelas Coorpin de Itabuna e Ilhéus. Foram 265 homicídios na de Itabuna e 251 na de Ilhéus. Mais de 80% dos crimes estão relacionados com o tráfico de drogas

sábado, 2 de maio de 2015

Mulher grávida come pedras devido a 'Síndrome de Pica'


 


Mulher grávida come pedras devido a 'Síndrome de Pica'
Foto: Reprodução/ YouTube
Uma moradora de Nova York, nos EUA, surpreendeu muitas pessoas ao revelar seu desejo durante a gravidez. A dona de casa Silvia, de 21 anos, está grávida de oito meses e tem o incomum desejo de comer pedras. De acordo com o programa My Extraordinary Pregnancy, da TLC, a condição da jovem está ligada a um transtorno chamado alotriofagia, mais conhecido como Síndrome de Pica, que faz com que pessoas tenham grande apetite por substâncias não comestíveis. O nome "pica" vem do latim "pega", que é um pássaro conhecido por comer praticamente tudo. "Eu me sinto muito chateada, idiota e envergonhada, mas tenho que comer pedras", contou Silvia. O maior problema é que o hábito coloca tanto sua saúde quanto do bebê em risco. No entanto, Silvia disse que fica "com água na boca" quando vê certas pedras. Veja a matéria completa:

Vitória perde para o Bahia mas conquista o Baiano Sub-20


 



Esse é o 15º título que o Leão conquista na categoria - Foto: Lúcio Távora | Ag. A TARDE

-AA+
  • Lúcio Távora | Ag. A TARDE
    Esse é o 15º título que o Leão conquista na categoria

Mesmo perdendo o jogo, o Vitória conquistou o titulo do Campeonato Baiano Sub-20 2015, nesta sexta-feira, 1º, no Estádio Governador Roberto Santos (Pituaçu).
O Vitória marcou na primeira etapa com David de pênalti. O Bahia tentou correr atrás do prejuízo e virou o placar para 2 x 1, com dois gols de Rodrigo, mas não foi suficiente para dar o título para o tricolor.
Torcida rubro negra fez a festa em Pituaçu após título do Baianão SUB-20. Foto: Lúcio Távora | Ag. A TARDE
No jogo de ida, o Leão venceu o esquadrão pelo placar de dois a zero. Com isso, o Bahia levou o vice-campeonato e o Vitória sagrou-se campeão da competição.
O Vitória encostou no arquirrival no quadro de conquistas da competição. Ao todo, o rubro-negro tem
15 títulos na categoria

Mês de Maria

Este é um mês especial! Mês das Mães.
As Mães que Deus escolheu para nos gerar, criar, educar, proteger e amar. Não foi por mero acaso.
É o Mês de MARIA, a Mãe de Jesus .
Maria, através de seu semblante deixa transparecer a divindade de seu Filho muito amado, Jesus. Ela é a Mãe do Puro Amor.
Maria é promessa e esperança, é ternura e solidariedade, é bondade e amor. É o veículo direto que nos comunica com Seu Filho. É nossa intercessora.
A ela, confiamos nossas fraquezas, nossos sofrimentos, nossas limitações. Maria é nosso HELP!
O colo de Maria é maternal. Nele, encontramos abrigo e consolo. Ela nos conforta, nos acalenta. A presença da Virgem Maria em nossas vidas é real. Maria nos guia a cada momento. É mãe cuidadosa e amorosa com seus filhos. Assim, também, devemos ser com nossos filhos, semelhantes à Maria. Tratá-los com carinho sob nossa orientação e cuidados, mesmo que tenhamos que nos esforçar em certas ocasiões.
Devemos ser fiéis à Mãe de Deus, oferecendo nossas orações, aflições, angústias e tendo-a em lugar especial e respeitoso em nossas vidas.
Ela, não se esquece de nós. Precisamos ser Mães como Maria, acalentando nossos filhos, educando-os e amando-os, dentro dos princípios morais, éticos e religiosos. Sejamos mães comprometidas com nossos filhos, até as últimas conseqüências. Isso, alegrará o Coração de Maria.
Maria supervisiona nossa maternidade. Ela é Mãe Celeste das Mães.
Ela nos abençoa e solidifica nossa fé em seu Filho amado.
Com Maria firmamos nosso elo de união com Jesus Cristo seu FILHO.
O profundo mistério de ser Mãe de Deus a coloca numa posição privilegiada na história da salvação, elevando-a acima de todas as criaturas. Porém, não podemos esquecer que sua vida foi de ser humano normal semelhante à nossa, com as devidas diferenças da época.
Mas, as preocupações, sofrimentos, trabalhos, exatamente, como nós.
Estamos acostumados a vê-la nos altares, merecidamente, envolta em vestes douradas, mãos postas, glorificada.
Mas... Nos esforcemos para também vê-la de avental, cozinhando e lavando como nós.
Nossa relação com Nossa Senhora é uma relação de infinita igualdade e ao mesmo tempo de grandezas diferentes.
E o SIM de Maria? É o SIM do verdadeiro e Santo Amor.
Queremos pedir um pouco da sua coragem, para darmos o “SIM” necessário à realização do Plano de Deus em nós.
O Sim da Virgem Maria a coloca em plena disponibilidade ao Criador. Sem pensar nas conseqüências, faz a sua entrega, entrega total de prova de amor.
Maria foi o maior exemplo de fé, de certeza, fidelidade ao Pai.
Renuncia sua própria vida de jovem comum e assume o principal papel na História Universal, o de Mãe de Deus.
Sejamos como Maria, Mães amáveis, mães responsáveis, mães em regime integral.
O nosso culto à Virgem Santíssima, Mãe de Deus, Rainha de Todos os Anjos e Santos é de SUMA VENERAÇÃO-HIPERDULIA.
A Igreja estabeleceu duas festas de preceito e honra à Virgem Maria.
A Festa da Imaculada Conceição no dia oito de dezembro e a Festa da Assunção de Maria em quinze de Agosto.
As demais festas celebram os Privilégios de Maria. E são muitas,
 pois ela tem muitos títulos.
No segundo domingo do mês de maio, comemoramos o Dia da Mãe, que na verdade, é todo dia. Mãe não tem férias, assim como não tiramos férias de Deus. A Mãe exerce sua maternidade até o fim. 
São Bernardo, devoto mariano, dizia que o Coração de Maria Santíssima é como um quadro onde estão pintados todos os atrozes sofrimentos de seu Filho. Para conhecê-los, não é preciso fitar a cruz, basta observar o coração da Mãe Dolorosa.Os espinhos que ferem a cabeça de Jesus, os pregos que transpassam os pés, as mãos, as feridas que lhe cobrem os ombros, os insultos, as angustias, tudo isso está visivelmente esculpido no coração da Santíssima Virgem.
No Coração das mães, também estão cravados os sofrimentos de seus diletos filhos.
Como a Virgem Maria, as Mães têm seus sofrimentos e suas dificuldades. Confiemos nossas tribulações à Maria.
Nas suas freqüentes aparições ela repete: “Orai, orai muito pela conversão dos pecadores! Fazei penitência!”
Devemos fazer o que ela nos pede.
São vários seus títulos e muitos tratamentos especiais. Podemos e devemos tratá-la com respeito e dignidade. Entre muitos, Santíssima Virgem Maria, Nossa Senhora, Mãe de Deus ou simplesmente MARIA.
A exemplo de Maria, mulheres, sejamos Mães com docilidade, paciência e serviço, tudo temperado com fartas doses de Amor para exercermos o dom nobre desta linda e especialíssima missão: MÃE!

Bolsa Família de 100 reais é aprovada na Câmara de vereadores

Depois de   de percorrido os trâmites o projeto vida nova foi votado e aprovado por unanimidade na Câmara de Vereadores.
Este projeto concede 1000   bolsas de 100 reais  para famílias de Santo Estevão devendo o filho  está  matriculado.. É um projeto semelhante ao projeto criado pelo ex prefeito Rogério Costa que concedia uma bolsa  de 50 reais.
Algumas emendas  foram apresentadas.
Uma  delas de autoria do vereador Cristiano condiciona a bolsa  a frequência do aluno 95%.Uma outra  emenda foi a  do vereador Helder que solicita que seja   colocado como titular da conta a  mãe do estudante.

sexta-feira, 1 de maio de 2015

Roubo de Moto


Na Sessão da última quinta feira, da Câmara de Vereadores, o vereador Edmundo  Pracista, agradeceu ao prefeito por ter feito beneficio na praça da Caatinguinha  e atendido algumas das suas reinvindicações.

Na oportunidade, o vereador falou que se fazia necessário que a polícia olhasse melhor  para aquele lado do município em virtude da grande  quantidade de  roubo de motos que ali vem acontecendo. Segundo  o  vereador naquela semana , cerca de seis motos ja havia sido  roubadas
As famílias   estão  assustadas.,

RODOVIÁRIOS ENTRAM EM GREVE EM 15 MUNICÍPIOS BAIANOS


 

Rodoviários entram em greve na próxima terça-feira em 15 municípios baianos
Foto: Reprodução
Os rodoviários baianos dos setores de fretamento, intermunicipal, metropolitano e urbano das cidades metropolitanas realizam greve de 24 horas a partir de 00h01 da próxima terça-feira (5). Os municípios atingidos com a greve são Camaçari, Entre Rios, Mata de São João, São Sebastião do Passé, São Francisco do Conde, Esplanada, Campo Formoso, Jacobina, Alagoinhas, Simões Filho, Candeias, Dias D’Ávila, Catu, Pojuca e Lauro de Freitas. A decisão foi tomada em assembleia das entidades sindicais Sindrod/BA, Sindmetro, Sindinter e Sindfretur, realizada no último dia 23 de abril. A categoria se diz insatisfeita com o endurecimento das tratativas junto ao Governo do Estado da Bahia relativas à falta de segurança, à falta de fiscalização dos transportes clandestino operados por cooperativas e associações sem concessões, à extinção de mais de 3 mil postos de trabalhos na licitação da integração do metrô de Salvador sem apresentar uma proposta que garanta a recomposição de todo o sistema de transorte da Região Metropolitana de Salvador e de todo o estado.

Sujeira nos Banheiros do Centro de Abastecimento

Conversando com  uma  Senhora que cuida de um dos banheiros do Centro de Abastecimento, a mesma  nos afirmou da dificuldade que tem em cuidar daquele local, uma vez que  toda vez que faz uma  limpeza, quase  que  automaticamente alguém suja de forma  proposital.
Segundo a Senhora que cuida,   quando ela sai para tomar  um  cafezinho  em questão  de minutos,alguém vem sujar.

É preciso educar as pessoas!

Oposição fala em ‘destruição de provas’ e quer perícia em equipamentos da Petrobras


 


antonio-imbassahy
Jornal revelou que estatal alega ter eliminado registros, em áudio e vídeo, das reuniões do Conselho de Administração, do qual presidente Dilma fez parte.
A oposição vai propor na CPI da Petrobras uma perícia em computadores e equipamentos de gravação da estatal. O objetivo é verificar se, de fato, áudios e vídeos de reuniões do Conselho de Administração foram destruídos e se, eventualmente, há a possibilidade de recuperar arquivos. A estratégia foi acertada pelo presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves (MG), com os integrantes do partido na Câmara após reportagem da edição on-line do jornal O Estado de S. Paulo revelar nesta quinta-feira que a estatal alega ter eliminado registros, em áudio e vídeo, dos encontros.
O vice-presidente da comissão, deputado Antônio Imbassahy (PSDB-BA), e o líder do DEM na Casa, Mendonça Filho (PE), afirmaram que o pedido será feito na próxima reunião, marcada para terça-feira. A perícia ficaria a cargo da Polícia Federal.
Aécio afirmou que, se confirmadas as informações, há a possibilidade de “crime”. “Apagar deliberadamente provas de um delito constitui crime. Isso nos permite suspeitar que o que ocorreu efetivamente na reunião do conselho que aprovou Pasadena, em relação à participação da presidente (Dilma Rousseff), é algo muito diferente do que sabemos até aqui”, disse o senador.

Em resposta a pedidos da reportagem do jornal O Estado de S. Paulo, feitos por meio da Lei de Acesso à Informação, a Petrobras informou que as reuniões do Conselho de Administração são registradas por meio de gravador, colocado na sala do encontro, e também por videoconferência. Porém, acrescentou a estatal, esses registros são apagados após formalizadas as atas.
Segundo a Petrobras, também foram apagadas as gravações de reuniões de 2006 e 2012, nas quais foram aprovadas as principais etapas da compra da Refinaria de Pasadena. A prática estaria embasada no Regimento Interno do Conselho de Administração, mas a companhia não o apresentou. Em 2006, como chefe da Casa Civil e presidente do colegiado, Dilma deu aval à aquisição dos primeiros 50% da Refinaria de Pasadena. O Tribunal de Contas da União (TCU) apurou prejuízo de 792 milhões de dólares no negócio, finalizado em 2012.