sábado, 25 de março de 2017

STJ concede habeas corpus que concede prisão domiciliar a mulher de Cabral

 

 

STJ concede habeas corpus que concede prisão domiciliar a mulher de Cabral
Foto: Reprodução
A ministra Maria Thereza de Assis Moura, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), concedeu habeas corpus permitindo que Adriana Ancelmo, esposa do ex-governador Sergio Cabral, fique em prisão domiciliar. A decisão foi divulgada pelo tribunal na noite desta sexta-feira (24). Adriana está presa no Complexo Prisional de Bangu, acusada de envolvimento em crimes de corrupção praticados pelo seu marido e outras pessoas, inclusive com a utilização de seu escritório de advocacia para receber altas quantias de propina.

Professora é presa por fazer sexo e fumar maconha com aluno

 

 

 


Uma professora americana foi presa, na última quarta-feira, acusada de ter relações sexuais com um aluno menor de idade. Segundo as investigações do caso, Valeria Valvo, de 34 anos, para criar um “clima” antes de transar com o rapaz, de 17, costumava consumir bebidas alcoólicas e fumar maconha com ele. A polícia acredita que o casal teve, ao menos, seis encontros amorosos.
Para os investigadores, Valeria confessou o crime. No entanto, ela alegou que os encontros que teve com o aluno eram consensuais. O rapaz confirmou a versão e disse para a polícia ter feito sexo com a professora na casa dela, onde também consumiram a droga.
A apuração do caso começou depois de uma denúncia anônima. Valeria, que trabalhava havia três anos na instituição onde a vítima estudava, foi suspensa de suas funções.
Ainda não há data para o julgamento da professora.

PM baleado recebe alta 58 dias após ataque de bandidos em cidade da BA

 

 

Crime acontece em janeiro deste ano, na cidade de Bom Jesus da lapa.
Soldado vai receber condecoração militar "Cruz de Bravura", diz PM.

Do G1 BA
Veículos queimados foram usados pelos bandidos para bloquear as saídas da cidade (Foto: Blog do Sigi Vilares)
O policial militar baleado durante um ataque à cidade de Bom Jesus da Lapa, região oeste da Bahia, recebeu alta médica na manhã desta terça-feira (21), 58 dias após o crime. No dia 22 de janeiro, um grupo fortemante armado invadiu o municípoio com objetivo de explodir caixas eletrônicos. Na ocasião, dois policiais militares foram mortos pelos bandidos.

De acordo com informações da Polícia Militar, o soldado ferido deixou o Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador, na manhã desta terça-feira. O policial retornou para Bom Jesus da Lapa e, futuramente, receberá uma condecoração militar "Cruz de Bravura". No entanto, a cerimônia ainda não tem data definida.
Veículos queimados foram usados pelos bandidos
para bloquear as saídas da cidade (Foto: Blog
do Sigi Vilares)
Ataque
Dois policiais militares foram mortos a tiros e um ficou ferido, durante ataque de um grupo armado ao município de Bom Jesus da Lapa, na região oeste da Bahia. Um dos suspeitos morreu em confronto com a polícia.
Durante a perseguição aos bandidos, a polícia encontrou um carro abandonado carregado de explosivos, armas e munições. Outros carros foram queimados pelo grupo e utilizados para bloquear as estradas que dão acesso à cidade, com objetivo de atrasar a ação da polícia.
As vítimas do crime em Bom Jesus da Lapa foram identificadas como os soldados Gilberto Lemos Silva Júnior, de 28 anos, e Everton Oliveira de Santana, 26 anos. O primeiro integrava a coorporação há um ano e sete meses, e o segundo há um ano e oito meses.

PT clama por liberdade de Palocci e José Dirceu, diz Falcão

 

 

O presidente do PT, Rui Falcão, nesta sexta (24), disse que a sigla se solidariza publicamente e clamam pela liberdade dos dois

 
 
Não foi só em defesa de Lula que o presidente nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), Rui Falcão, tomou partido durante o evento promovido nesta sexta-feira (24). Falcão também falou sobre a prisão dos ex-ministros da Casa Civil e da Fazenda, respectivamente, José Dirceu e Antonio Palocci. 
Ele declarou que a condenação sem provas são “prisões arbitrárias”. Rui Falcão disse, durante o encontro, que o partido de solidariza publicamente e que “clamam” pela liberdade dos dois. 
Ainda comentou a declaração do empreiteiro Marcelo Odebrecht, que teria afirmado em seu depoimento ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que a ex-presidente Dilma Rousseff sabia sobre o uso de caixa dois para pagar o marqueteiro João Santana, responsável por sua campanha à reeleição em 2014. “Ontem vazaram supostas implicações envolvendo a presidente Dilma. Essas são vazamentos como tantos outros que tem saído. Vazamentos seletivos”, criticou. 
No evento de hoje, Lula chegou a dizer que nunca antes no Brasil um presidiário teve tanta dificuldade em conseguir um habeas corpus como atualmente. 

Lava Jato fez a coisa mais sem-vergonha que aconteceu neste País', diz Lula




"A Lava Jato não precisa de um crime, ela acha alguém para depois tentar colocar um crime em cima de um criminoso"

 
 
Durante o evento organizado pelo PT para discutir a Lava Jato em São Paulo, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou que a operação fez “a coisa mais sem-vergonha” que aconteceu no Brasil, dirigindo ataques ao juiz Sérgio Moro e aos membros do Ministério Público Federal e da Polícia Federal. Ele afirmou ainda que Moro, o procurador Deltan Dallagnol e “o delegado da Polícia Federal” não têm mais ética, lisura e honestidade do que ele. “A Lava Jato não precisa de um crime, ela acha alguém para depois tentar colocar um crime em cima de um criminoso.
E para isso eles fizeram a coisa mais sem-vergonha que aconteceu nesse país porque um juiz precisa da imprensa para execrar as pessoas, que estão sendo citadas, junto à opinião pública e depois facilitar o julgamento”, afirmou o petista. Ele citou o juiz que coordena as investigações em Curitiba e o coordenador da força-tarefa da Lava Jato no MPF. “Eu tenho dito que eles deram um azar muito grande porque foram mexer com quem eles não deveriam ter mexido. Nem o Moro, nem o Dallagnol, nem o delegado da Polícia Federal têm a lisura, a ética e a honestidade que eu tenho nestes 70 anos de vida”, falou Lula.Lula se referiu ao interrogatório que vai comparecer em Curitiba no dia 3 de maio e disse que está esperando por qual crime ele será imputado.
“Eu duvido que tenha um empresário solto ou preso que diga que um dia o Lula pediu 10 centavos para ele”, afirmou. O petista ressaltou que condena que dirigentes partidários peçam dinheiro para empresários. “Nunca permiti que nenhum empresário fizesse isso, e sou amigo de muitos empresários”, declarou.No discurso, o ex-presidente defendeu a aprovação do projeto de lei do abuso de autoridade no Congresso. O texto é visto como ameaça às investigações. Na plateia do evento, estava o senador Roberto Requião (PMDB-PR), relator da proposta no Senado.
“A gente não pode deixar de aprovar a lei de abuso de autoridade, porque ninguém está acima da Constituição”, afirmou Lula.Ele pediu que os parlamentares petistas “briguem” mais para aprovar a lei e impedir o abuso de agentes públicos no País. “Nós somos um partido que foi criado para mudar a história desse país, não fomos criados para ficar com medo”, disse.
No evento, estavam diversos deputados e senadores petistas.Lula disse que é preciso defender “companheiros” que são acusados sem provas. Na sua fala, não faltaram críticas à imprensa. “É preciso mostrar o outro lado da Lava Jato. A Lava Jato é uma moeda que tem a cara da Globo, das televisões outras, dos jornais, a cara da Veja, da Época, da Istoé, do procurador, da Polícia Federal, tem a cara do Moro. Mas não tem a cara do povo que está sendo prejudicado”, disparou

Com volta de Vanderlei, Santos faz jogo decisivo contra o Santo André


A situação do Santos no Campeonato Paulista ficou menos preocupante após a boa vitória sobre o São Bento, por 2 a 0, fora de casa, na última quarta-feira. Ainda assim, a equipe de Dorival Júnior entra em campo neste sábado, contra o Santo André, às 15 horas, no Estádio Bruno José Daniel, pela 11ª rodada, ciente de que uma derrota pode novamente complicá-lo na competição.
O Santos assumiu a liderança do Grupo D após a vitória sobre o São Bento, mas está empatado em pontos com a Ponte Preta e tem apenas dois a mais do que o Mirassol. Uma derrota neste sábado, assim, pode tirá-lo da zona de classificação, o que dificultaria sua situação para a última rodada da primeira fase.
Apesar da pressão, o técnico Dorival Júnior tem um importante reforço: o goleiro Vanderlei, afastado desde fevereiro devido a uma fratura no dedo, foi relacionado e deve iniciar como titular. Poupado contra o São Bento, Ricardo Oliveira também está de volta, assim como o zagueiro Cleber e o meia Léo Cittadini, recuperados de lesão. Os dois últimos, porém, ficarão como opção no banco.
Se terá alguns importantes reforços, Dorival não poderá contar com Zeca. Após um exame detectar alto risco de contusão, o lateral-esquerdo não treinou na sexta-feira e será poupado diante do Santo André. Ainda assim, a confiança na vitória é grande.
"Temos um jogo difícil, contra uma equipe que joga melhor contra os grandes, que venceu o Corinthians na Arena. Merecem nosso respeito, com horário diferente e esperamos muito calor. Mas queremos uma nova boa atuação e os três pontos", assegurou o lateral Victor Ferraz.
Já o Santo André, ainda lutando contra o rebaixamento, busca a vitória para assegurar a sua permanência na primeira divisão. Com 11 pontos, o time é terceiro colocado no Grupo C, atrás do Novorizontino (14) e Palmeiras (24).
Embora o Santo André ainda tenha chances de se classificar, o técnico Sérgio Soares só pensa em um objetivo. "Nossa meta é evitar a queda. Para este jogo teremos que errar menos na marcação, porque praticamente demos os gols para a Ponte Preta. Falhar diante do Santos é algo muito arriscado."

Para o jogo de sábado, o treinador terá a volta do zagueiro Leonardo, que cumpriu suspensão no empate com a Ponte Preta, por 3 a 3. O jogador retoma sua vaga entre os titulares na vaga de Diogo Borges, que inclusive fez um gol contra.

Outra novidade pode ficar por conta de Cicinho. O ex-lateral do Palmeiras entrou bem contra a Ponte Preta e deve ganhar uma chance. Existe ainda uma dúvida no meio campo: Guilherme Garré tem agradado Soares durante os treinamentos e, por isso, disputa um lugar com Fernando Neto. Por outro lado, o atacante Edmilson segue vetado pelo departamento médico.



quaresma e do costume de não comer carne durante esse período.


Mesmo que você não seja um cristão devoto, certamente já ouviu falar da quaresma e do costume de não comer carne durante esse período. No entanto, você sabe qual é a origem desse intervalo de penitência, o que ele representa e por que algumas pessoas deixam de ser “carnívoras” nesta época do ano?
Como o próprio nome quaresma sugere, trata-se de um período de quarenta dias que começa na quarta-feira de cinzas e termina na Páscoa, descontando os domingos. Esse intervalo serve para que os cristãos se preparem para celebrar a ressurreição de Cristo, e é marcado por penitências que, além da famosa abstenção à carne, incluem sacrifícios como o jejum, a prática da caridade, as mortificações — punições físicas ou mentais por amor a Deus — e muitas orações.

Origem

Fonte da imagem: Shutterstock
Desconsiderando as prováveis origens pagãs do costume, existem registros históricos que se referem à prática de penitências como forma de preparação para a Páscoa desde os primórdios do cristianismo. Contudo, os períodos de tempo variavam entre horas ou dias, passando por semanas inteiras e até mesmo intervalos maiores, e cada crente seguia o ritual que achasse melhor. Uma bagunça!
Foi só no século 4 que o período de 40 dias foi estabelecido, e a duração está baseada em várias referências bíblicas relacionadas com o número. Entre as mais significativas, está o intervalo de tempo em que Jesus permaneceu no deserto, a duração do dilúvio que inundou a Terra — lembra-se de Noé? —, quantos dias demorou a jornada dos israelitas que partiram do Egito com destino à Terra Prometida, o período que Moisés passou no Monte Sinai etc.

Fominha

Tentação de Cristo Fonte da imagem: Reprodução/Wikipédia
Hoje em dia, o mais comum é que os cristãos mais devotos façam alguns jejuns, promessas e deixem de comer carne durante a quaresma. Mas no passado as coisas eram bem diferentes e restritivas. No século 5, por exemplo, existiam os que riscavam completamente do cardápio a carne de qualquer animal, enquanto outros abriam exceções para os peixes e, em alguns casos, para as aves também.
Além disso, havia quem evitasse frutos com cascas duras e ovos, enquanto os devotos mais fervorosos contemplavam o sacrifício de fazer jejum durante 24 horas inteiras ou mais durante a Semana Santa, e até os que restringiam as refeições a apenas uma ou duas por semana nesse período.
Entretanto, a “regra” mesmo era a de que as pessoas fizessem apenas uma refeição ao dia — pela noite — e evitassem totalmente a carne e o vinho; o consumo de laticínios só era permitido em troca da prática de caridades. Atualmente, além da Igreja Católica, a Anglicana, a Ortodoxa, a Luterana e determinadas evangélicas seguem a tradição, e as penitências se tornaram muito mais brandas do que as de antigamente.

Quaresma modernizada

Sacrifício de Noé Fonte da imagem: Reprodução/Wikipédia
Com o passar dos séculos, algumas modificações foram sendo permitidas e respeitar a quaresma ficou um pouco mais fácil. O período de penitências ainda começa na quarta-feira de cinzas e transcorre durante 40 dias excluindo os domingos, e os mais devotos se limitam a fazer apenas uma refeição por dia — e sem carne no cardápio — na quarta-feira de cinzas e na Sexta-feira Santa.
A carne também fica proibida nas demais sextas-feiras da quaresma, e os fiéis são encorajados a fazer algum sacrifício — como abrir mão de consumir chocolate ou bebidas alcoólicas, por exemplo — durante esse período. Contudo, “tecnicamente”, o tal sacrifício fica suspenso no dia de São José (19 de março) e no Dia da Anunciação (25 de março), quando os penitentes estão liberados para esquecer suas promessas.

E os domingos?

Criação de Adão Fonte da imagem: Reprodução/Wikipédia
Como você sabe, os discípulos de Jesus eram judeus e, sendo assim, guardavam o sábado — ou Sabbath — como dia de descanso e adoração. Isso porque, segundo o Gênesis, após criar o mundo, Deus descansou no sétimo dia, designando o sábado como dia de repouso.
Entretanto, como Cristo ressuscitou em um domingo, os cristãos transferiram o dia de descanso, e todos os domingos passaram a ser considerados dias para celebrar a sua ressurreição. Portanto, assim como acontece com os judeus e o Sabbath, os cristãos ficaram proibidos de jejuar ou fazer penitências aos domingos e, por essa razão, esses dias da semana ficam fora do “calendário” da quaresma.

Mais curiosidades

Fonte da imagem: Reprodução/Wikipédia
  • O termo “quaresma” tem sua origem na expressão latina quadragesima dies, que significa quadragésimo dia;
  • Oficialmente, o jejum como forma de sacrifício na quarta-feira de cinzas e na Sexta-feira Santa deve ser realizado por cristãos batizados;
  • A cor litúrgica associada com a quaresma é a roxa, que simboliza o luto, a penitência e o sacrifício. No quarto domingo do período — o da “Alegria” — se usa a cor rosa e, no Domingo de Ramos, o tom adotado é o vermelho, para simbolizar a Paixão de Cristo;
  • A cruz cinza que é aplicada na testa dos fiéis no início da quaresma recria um antigo ritual proveniente do Oriente Médio no qual cinzas eram jogadas sobre a cabeça para simbolizar o arrependimento perante Deus.

Governo concede bolsa de estímulo permanência para professores


 

 

O número de Bolsas de Estímulo à Permanência será divulgado anualmente
O Governo do Estado publicou, nesta sexta-feira, o Decreto nº 17.522, que regulamenta a Lei n° 13.595/2016, que institui a Bolsa de Estímulo à Permanência em Atividade de Classe para os professores da rede pública estadual dos Ensinos Fundamental e Médio, que estão prestes a se aposentar.
A bolsa, de R$ 800 para 20h e de R$ 1.600 para carga horária de 40 horas, será concedida aos educadores que, tendo implementado os requisitos para a aposentadoria voluntária, optem por permanecer em atividade.
“A Bolsa de Estímulo à Permanência em Atividade de Classe será deferida por um período máximo de dois anos, podendo ser prorrogada por igual período por uma única vez. É uma iniciativa que reflete os esforços empreendidos pelo Governo do Estado para melhorar a educação pública. Afinal, estamos tratando de professores com larga experiência, profissionais que dedicaram suas vidas à escola e que, portanto, podem optar em continuar contribuindo com a educação e com a formação dos nossos estudantes”, comentou o secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro.
Pré-requisitos
Para ser beneficiado, o professor deverá atender a requisitos, como ter completado as exigências para a aposentadoria voluntária nos termos da Lei nº 11.357/2009; estar lotado em uma unidade escolar e ter optado por permanecer em efetiva regência de classe.
A Bolsa de Estímulo à Permanência será paga pela Secretaria da Educação do Estado, mensalmente e exclusivamente durante o ano letivo, e serão levadas em consideração áreas do conhecimento em que haja carência de docentes na rede estadual.
O número de Bolsas de Estímulo à Permanência será divulgado anualmente, com indicação das disciplinas e unidades a que se destinam.
Caso a quantidade de bolsas oferecidas seja inferior ao número de profissionais habilitados a recebê-las, a Secretaria da Educação selecionará os que receberão a vantagem, por meio de lista classificatória, levando-se em conta idade, cargo, tempo de experiência na disciplina e tempo de exercício na unidade escolar.
Só após a divulgação e indicação da Secretaria da Educação do Estado para as áreas do Conhecimento com vagas por município e unidade, é que os professores poderão dar entrada na solicitação do benefício, se dirigindo ao SAC Educação, em Salvador e Feira de Santana, ou no Núcleo Territorial de Educação (NTE) vinculado à sua escola.

Na etapa seguinte, o setor de Recursos Humanos da Secretaria da Educação apreciará os pedidos, para a publicação dos contemplados por meio do Diário Oficial do Estado.



Polícia prende homem suspeito de estuprar 18 mulheres em Salvador


 

 

Quando a mulher chegava, segundo a investigação, ele a recebia com um facão do tipo peixeira e a estuprava
Da Redação (redacao@correio24horas.com.br)
Atualizado em 24/03/2017 12:23:12
Acusado de cometer 18 estupros em Salvador, Rafael de Lima Silva foi preso por investigadores da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR) nesta quinta-feira (23). Segundo informações da Polícia Civil, as vítimas eram prostitutas que, por meio de aplicativos, agendavam programas em hotéis do centro e região sem saber que estavam sendo vítimas de uma armadilha.

PUBLICIDADE

Segundo a investigação da policia Rafael é acusado de roubar e estuprar as mulheres
Foto: Divulgação/Polícia Civil


De acordo com a delegada Carla Ramos, titular da DRFR, os estupros aconteceram nos últimos sete meses sempre hotéis da região do Centro e da Calçada. As investigações em torno do caso revelaram que Rafael marcava encontros com as mulheres por meio de aplicativos de paquera. "Quando a mulher chegava, ele a recebia com um facão do tipo peixeira e a estuprava. Depois pegava dinheiro e pertences da vítima e ia embora", afirmou a Polícia Civil, em nota.


A delegada Carla Ramos disse ainda que equipes continuam na investigação do crime buscando outras possíveis vítimas do acusado de estupro.

PT teme que depoimento de Marcelo Odebrecht complique Dilma



 

 

 
De forma reservada, integrantes do comando do PT já reconhecem que a situação da ex-presidente Dilma Rousseff  (foto) deve complicar com o depoimento de Marcelo Odebrecht, ex-presidente da empreiteira, ao Tribunal Superior Eleitoral.
Isso porque, apesar da negativa de que Dilma tenha pedido contribuição, Marcelo Odebrecht revela que ela tinha conhecimento do esquema e como determinou que esse assunto fosse tratado diretamente com então ministro da Fazenda, Guido Mantega, depois da queda de Palocci da Casa Civil, em 2011.
O teor do depoimento foi divulgado pelo site "O Antagonista" e confirmado posteriormente pela TV Globo.
Petistas ouvidos pelo Blog avaliam que o depoimento de Odebrecht é o primeiro que envolve Dilma diretamente no esquema.
No início de março, ele afirmou que Dilma Rousseff sabia da "dimensão" das doações por meio de caixa 2 feitas pela empresa à campanha da petista à reeleição.
Marcelo Odebrecht diz que depois da saída de Palocci, foi “checar” com Dilma, que teria afirmado que “daqui para frente” tudo seria tratado com Guido (Mantega)

Projeto ‘Sementes do Bem’ realiza ação de rua neste sábado com distribuição de abraços solidários

O objetivo da ação é incentivar as pessoas a agirem da mesma forma no dia a dia.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Projeto ‘Sementes do Bem’ realiza ação de rua neste sábado com distribuição de abraços solidários
Foto: Divulgação

Neste sábado (25), acontece na Praça de Alimentação da Avenida Getúlio Vargas em Feira de Santana, mais uma ação de rua do Projeto ‘Sementes do Bem’, que busca através de suas ações integrativas plantar amor e colher sorrisos.
Foto: Divulgação
Participantes do grupo sairão pelas ruas de Feira de Santana oferecendo abraços carinhosos, além de mensagens de coragem, fé, docinhos e flores.
Para a coordenadora do projeto, Letícia Guimarães o objetivo da ação é incentivar as pessoas a agirem da mesma forma no dia a dia.
Foto: Divulgação
“É dia de sintonizar corações e transmitir boas energias”, afirmou.
Foto: Divulgação
As pessoas que participarem da ação podem registrar a reação do pessoa que for abraçada com um vídeo ou foto e postar nas redes sociais marcando a hastag #AbraçoSB. O dono do registro mais inspirador ganhará uma camisa do grupo e um mimo surpresa


sexta-feira, 24 de março de 2017

Preocupado com os altos custos que o cidadão tem nas auto escolas para adquirir a Carteira Nacional

Preocupado com os altos custos que o cidadão tem nas auto escolas para adquirir a Carteira Nacional de Habilitação e com a possibilidade da municipalização do trânsito , remetemos a um antigo sonho e fizemos uma emenda ao projeto N° 02/2017 do Poder Executivo Municipal, autorizando o município a criar a Auto Escola Municipal de Condutores de veículos automotores de Santo Estevão. E para que o recurso gerado através da municipalização do trânsito possa também ser investido para a manutenção dessa auto escola. Para que as famílias de baixa renda possam adquirir a sua carteira de habilitação.

luminense x Bahia de Feira se enfrentam no Bandarrão; partida acontece neste domingo (26)

 
 

  


Neste domingo, dia 26 de março, o Estádio Municipal Luiz Viana Filho, o Bandarrão, vai sediar uma grande partida entre o Fluminense e Bahia de Feira pelo Campeonato Baiano de Futebol Categoria sub 20 - Edição 2017.

Segundo o diretor de Esportes Edvaldo Sampaio, os portões abrirão ás 12h e a rodada começa as 15h.

"Estamos aguardando um grande público para prestigiar essa rodada, portanto convidamos os torcedores e os

Parlamentares se organizam para irem a depoimento de Lula a Moro


 
Deputados e senadores do PT estão convocando, na boca miúda, outros parlamentares para comparecerem em peso ao depoimento de Lula a Sérgio Moro, marcado para o dia 3 de maio. (foto ilustração)
As excelências planejam se juntarem à massa de militantes, que promete de aglomerar do lado de fora da Justiça Federal em Curitiba, para transformar a audiência num ato político. (veja.com)

Estado concede bolsa de estímulo permanência para professores prestes a se aposentar

 

 

24/03/2017 15h40
A bolsa, de R$ 800 para 20h e de R$ 1.600 para carga horária de 40 horas, será concedida aos educadores que, tendo implementado os requisitos para a aposentadoria voluntária, optem por permanecer em atividade.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
Estado concede bolsa de estímulo permanência para professores prestes a se aposentar
Foto: Divulgação/Assessoria
Acorda Cidade
O Governo do Estado publicou, nesta sexta-feira, o Decreto nº 17.522, que regulamenta a Lei n° 13.595/2016, que institui a Bolsa de Estímulo à Permanência em Atividade de Classe para os professores da rede pública estadual dos Ensinos Fundamental e Médio, que estão prestes a se aposentar. A bolsa, de R$ 800 para 20h e de R$ 1.600 para carga horária de 40 horas, será concedida aos educadores que, tendo implementado os requisitos para a aposentadoria voluntária, optem por permanecer em atividade.
“A Bolsa de Estímulo à Permanência em Atividade de Classe será deferida por um período máximo de dois anos, podendo ser prorrogada por igual período por uma única vez. É uma iniciativa que reflete os esforços empreendidos pelo Governo do Estado para melhorar a educação pública. Afinal, estamos tratando de professores com larga experiência, profissionais que dedicaram suas vidas à escola e que, portanto, podem optar em continuar contribuindo com a educação e com a formação dos nossos estudantes”, comentou o secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro.
Pré-requisitos - Para ser beneficiado, o professor deverá atender a requisitos, como ter completado as exigências para a aposentadoria voluntária nos termos da Lei nº 11.357/2009; estar lotado em uma unidade escolar e ter optado por permanecer em efetiva regência de classe. A Bolsa de Estímulo à Permanência será paga pela Secretaria da Educação do Estado, mensalmente e exclusivamente durante o ano letivo, e serão levadas em consideração áreas do conhecimento em que haja carência de docentes na rede estadual.
O número de Bolsas de Estímulo à Permanência será divulgado anualmente, com indicação das disciplinas e unidades a que se destinam. Caso a quantidade de bolsas oferecidas seja inferior ao número de profissionais habilitados a recebê-las, a Secretaria da Educação selecionará os que receberão a vantagem, por meio de lista classificatória, levando-se em conta idade, cargo, tempo de experiência na disciplina e tempo de exercício na unidade escolar.
Só após a divulgação e indicação da Secretaria da Educação do Estado para as áreas do Conhecimento com vagas por município e unidade, é que os professores poderão dar entrada na solicitação do benefício, se dirigindo ao SAC Educação, em Salvador e Feira de Santana, ou no Núcleo Territorial de Educação (NTE) vinculado à sua escola. Na etapa seguinte, o setor de Recursos Humanos da Secretaria da Educação apreciará os pedidos, para a publicação dos contemplados por meio do Diário Oficial do Estado.

A equipe do Paraguassu Noticias almoçou, hoje no Centro de Abastecimento

A equipe do Paraguassu Noticias almoçou, hoje no Centro de Abastecimento na Barraca de D.Lego, uma tarde verdadeiramente inesquecível, onde o repórter Leo pode  contar  diversas histórias e se deliciar da comida que   estava verdadeiramente apetitosa
A equipe é toda de e o povo todo abraça admirando o trabalho
O grande mentor deste almoço, foi o nosso Bazinho que  conhece  todas as pessoas do centro de abastecimento

quinta-feira, 16 de março de 2017

Bom dia com Lis Braga

Todas as manhãs na rádio  PARAGUASSU FM DE SANTO ESTEVÃO, tem um programa que vale a pena você  ouvir.

Um programa que se preocupa com você! Se eu fosse  você todos os  dias ouvia Lis Braga.
Um grande programa.

contatos   3245 1241


terça-feira, 14 de março de 2017

Temer convoca reunião com parlamentares para analisar nova "lei da salvação" Estadão Conteúdo 14/03/201707h32 > Atualizada 14/03/201709h13 Comunicar erro Erich Decat, Isadora Peron e Daiene Cardoso Brasília Ueslei Marcelino/Reuters Pressionados pelo avanço da Lava Jato e às vésperas do envio da lista do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ao Supremo Tribunal Federal (STF), integrantes da cúpula do Executivo e do Congresso aceleraram as discussões para aprovar mudanças no sistema de financiamento de campanha eleitoral. O movimento é definido nos bastidores do Congresso como "legislação de salvação" para evitar o que parlamentares chamam de "criminalização generalizada da atividade política". Uma das propostas em discussão é a que prevê financiamento público com lista de candidatos indicados pelos partidos. Ela seria aprovada com mais rapidez e, com isso, passaria a valer já para 2018 - alterações nas regras eleitorais têm de ser feitas até 2 de outubro. Para tratar do assunto, o presidente Michel Temer convocou uma reunião para esta quarta-feira, 15, com líderes do Congresso. O tema também foi debatido em almoço no domingo, que reuniu parlamentares e o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes. O encontro, oferecido pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para comemorar o aniversário do ministro da Secretaria de Governo, Antônio Imbassahy, e do presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG), contou com o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), o líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros (AL), e o presidente do DEM, senador Agripino Maia (RN). "Foi feita uma conversa que a essência foi a de que você pode, sim, fazer financiamento público, à medida que tenha uma lista partidária pré-ordenada. O partido organiza a lista política. Isso passa com facilidade pelo Senado e, na Câmara, o deputado (José) Carlos Aleluia (BA) (vice-líder do DEM na Câmara) sugeriu que se dê o direito de candidatura nata para os atuais detentores de mandato parlamentares", afirmou Agripino. "É uma ideia que teve consenso." Para Aleluia, há consenso de que é preciso alterar o atual modelo de doação de campanha. "Todos acham que o sistema atual não permite ter uma campanha saudável em 2018", disse o deputado do DEM. Parlamentares consideram difícil retomar o financiamento empresarial de campanha. Uma possível mudança no atual sistema eleitoral tem o respaldo de Gilmar Mendes, que, após o almoço de domingo, esteve com Temer. Ele defendeu, contudo, que, antes de discutir os repasses de recursos para as campanhas eleitorais, seja feita uma alteração no modelo de candidatura. "Eu acho que é totalmente fora de ciência ficar discutindo financiamento no sistema atual, porque é enxugar gelo. É preciso alterar o sistema eleitoral, para aí adequar o financiamento", defendeu Gilmar, após deixar o Palácio do Jaburu, residência de Temer em Brasília. A intensificação da busca por um novo modelo ocorre menos de uma semana depois da decisão da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal que aceitou a denúncia oferecida pela Procuradoria-Geral da República contra o senador Valdir Raupp (PMDB-RO) pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A acusação formal é a de que os R$ 500 mil doados oficialmente pela Queiroz Galvão à campanha de Raupp ao Senado em 2010 seriam "propina disfarçada". 'Arcaico' "Com toda essa confusão que está aí, está claro que o modelo de financiamento ficou para trás, é arcaico. Temos de encontrar um mecanismo porque não existe democracia sem política", afirmou ao Estado Eunício Oliveira. Em um encontro nesta segunda-feira, 13, em Brasília, o presidente do Senado também tratou do tema com o ministro do Supremo Luís Roberto Barroso. Atualmente, Barroso é suplente no Tribunal Superior Eleitoral. "Coloquei meu pensamento e ele considerou que um novo modelo de financiamento é um bom encaminhamento para se discutir. O modelo de financiamento privado morreu e deixou muitos problemas", disse Eunício. Segundo ele, a alternativa em discussão é a de utilizar recursos do Fundo Partidário. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


Erich Decat, Isadora Peron e Daiene Cardoso
Brasília
  • Ueslei Marcelino/Reuters
Pressionados pelo avanço da Lava Jato e às vésperas do envio da lista do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, ao Supremo Tribunal Federal (STF), integrantes da cúpula do Executivo e do Congresso aceleraram as discussões para aprovar mudanças no sistema de financiamento de campanha eleitoral.
O movimento é definido nos bastidores do Congresso como "legislação de salvação" para evitar o que parlamentares chamam de "criminalização generalizada da atividade política".
Uma das propostas em discussão é a que prevê financiamento público com lista de candidatos indicados pelos partidos. Ela seria aprovada com mais rapidez e, com isso, passaria a valer já para 2018 - alterações nas regras eleitorais têm de ser feitas até 2 de outubro.
Para tratar do assunto, o presidente Michel Temer convocou uma reunião para esta quarta-feira, 15, com líderes do Congresso. O tema também foi debatido em almoço no domingo, que reuniu parlamentares e o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Gilmar Mendes.
O encontro, oferecido pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para comemorar o aniversário do ministro da Secretaria de Governo, Antônio Imbassahy, e do presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG), contou com o presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), o líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros (AL), e o presidente do DEM, senador Agripino Maia (RN).
"Foi feita uma conversa que a essência foi a de que você pode, sim, fazer financiamento público, à medida que tenha uma lista partidária pré-ordenada. O partido organiza a lista política. Isso passa com facilidade pelo Senado e, na Câmara, o deputado (José) Carlos Aleluia (BA) (vice-líder do DEM na Câmara) sugeriu que se dê o direito de candidatura nata para os atuais detentores de mandato parlamentares", afirmou Agripino. "É uma ideia que teve consenso."
Para Aleluia, há consenso de que é preciso alterar o atual modelo de doação de campanha. "Todos acham que o sistema atual não permite ter uma campanha saudável em 2018", disse o deputado do DEM. Parlamentares consideram difícil retomar o financiamento empresarial de campanha.
Uma possível mudança no atual sistema eleitoral tem o respaldo de Gilmar Mendes, que, após o almoço de domingo, esteve com Temer. Ele defendeu, contudo, que, antes de discutir os repasses de recursos para as campanhas eleitorais, seja feita uma alteração no modelo de candidatura.
"Eu acho que é totalmente fora de ciência ficar discutindo financiamento no sistema atual, porque é enxugar gelo. É preciso alterar o sistema eleitoral, para aí adequar o financiamento", defendeu Gilmar, após deixar o Palácio do Jaburu, residência de Temer em Brasília.
A intensificação da busca por um novo modelo ocorre menos de uma semana depois da decisão da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal que aceitou a denúncia oferecida pela Procuradoria-Geral da República contra o senador Valdir Raupp (PMDB-RO) pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A acusação formal é a de que os R$ 500 mil doados oficialmente pela Queiroz Galvão à campanha de Raupp ao Senado em 2010 seriam "propina disfarçada".

'Arcaico'

"Com toda essa confusão que está aí, está claro que o modelo de financiamento ficou para trás, é arcaico. Temos de encontrar um mecanismo porque não existe democracia sem política", afirmou ao Estado Eunício Oliveira.
Em um encontro nesta segunda-feira, 13, em Brasília, o presidente do Senado também tratou do tema com o ministro do Supremo Luís Roberto Barroso. Atualmente, Barroso é suplente no Tribunal Superior Eleitoral.
"Coloquei meu pensamento e ele considerou que um novo modelo de financiamento é um bom encaminhamento para se discutir. O modelo de financiamento privado morreu e deixou muitos problemas", disse Eunício. Segundo ele, a alternativa em discussão é a de utilizar recursos do Fundo Partidário. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Biometria deve chegar a todos os eleitores até 2020, diz Gilmar Mendes

Foto: Divulgação/TSE
Segundo o TSE, para as eleições de 2018, pelo menos 80 milhões de pessoas aptas a votar devem estar registradas pelo sistema biométrico
O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Gilmar Mendes, disse na segunda-feira (13) que todos os eleitores devem estar cadastrados no sistema biométrico - pelas impressões digitais - até 2020. Segundo o ministro, para o pleito do próximo ano, pelo menos 80 milhões de pessoas aptas a votar devem estar registradas pelo novo sistema. “Certamente vamos concluir todo esse trabalho para as eleições de 2020”, enfatizou ao falar sobre o tema no Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP).
ANÚNCIOS
O TRE-SP iniciou na segunda-feira o recadastramento biométrico obrigatório em 79 municípios, totalizando 933,8 mil eleitores. Atualmente, mais de 6,5 milhões dos aptos a votar no estado estão registrados no novo modelo.
Para se recadastrar, os eleitores devem agendar o atendimento na página do TRE. Quem não comparecer à revisão nas cidades onde biometria é obrigatória terá o título cancelado. Nas demais localidades, os cidadãos podem pedir o registro voluntariamente.
Segundo Mendes, a identificação pelas impressões digitais vai dar mais segurança a processos como o de coleta de assinatura para criação de partidos ou para projetos de lei de iniciativa popular. “Eu imagino que, tanto nos projetos de iniciativa popular quanto apoiamento de formação de partidos, nós teríamos agora a possibilidade de usar esse sistema da assinatura digital."

domingo, 12 de março de 2017

Acusado de matar cantor confessa crime, mas Justiça nega prisão temporári

 

 


Por Redação Bocão News | Fotos: Reprodução
Após ser preso por policiais o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Andrei Jesus dos Santos, de 22 anos, acusado de participar da morte do cantor e compositor, Felipe Yves, confessou o crime, na manhã desta quinta-feira (9), conforme informações obtidas pela reportagem do Bocão News
 
Conhecido com Lacoste, o acusado foi capturado nesta quarta (8), juntamente com um adolescente de 17 anos, que também teve participação no caso. Eles prestaram depoimento logo depois de terem sido encontrados. Andrei teve a prisão temporária pedida pelo DHPP, mas o pedido foi negado pela Justiça, que alegou falta de prova material e/ou laudos comprobatórios. 
 
No entanto,com o adolescente, segundo a polícia, foi apreendido um revólver, calibre 38, que foi encaminhado ao Departamento de Polícia Técnica (DPT), para ser periciado e verificar se foi a arma usada no crime. Enquanto isso, o acusado, que tinha sido encaminhado para o Complexo Policial da Baixa do Fiscal, foi levado para um audiência de custódia nesta quinta. Já o adolescente foi levado para à Delegacia do Adolescente Infrator (DAI).
 
Crime
O corpo de Felipe foi encontrado na segunda-feira (6), com o pescoço semi degolado e uma marca de tiro no braço em uma localidade conhecida como Independência, no bairro da Boca da Mata, na capital baiana. Felipe estava desaparecido desde a noite de domingo (5). Segundo os familiares, ele estava na casa da mãe quando recebeu uma ligação, por volta das 22h, e saiu. O corpo dele só foi encontrado no início da tarde de segunda-feira, e na terça-feira (7) identificado pelos parentes.
 
Matéria relacionada

Fluminense de Feira pode definir classificação neste domingo no Joia da Princesa

 

 

11/03/2017 12h25
Arnaldo Lira disse que conversou bastante com os jogadores sobre a responsabilidade deste jogo e que o time treinou bastante.
Mudar o tamanho da letra: Aumentar letra Diminuir letra
 Fluminense de Feira pode definir classificação neste domingo no Joia da Princesa
Foto: Ed Santos / Acorda Cidade
Andrea Trindade
O Fluminense de Feira vai enfrentar o Jacobina neste domingo (12), às 17h, no estádio Joia da Princesa, pelo Campeonato Baiano. A equipe de Feira de Santana realizou um treino coletivo na tarde de ontem (10) no Campo do Sesi, no Alto do Cruzeiro, e a dúvida do técnico Arnaldo Lira é em relação ao ataque.
Foto: Ed Santos / Acorda Cidade
“No ataque está entre o Luiz Paulo, que está sentindo um pouco e não apareceu no treinamento, então a gente está avaliando, e tem o Ebinho, mas tenho ainda que analisar porque o Ebinho é o único atacante que tenho. Corre o risco de Luiz Paulo não poder jogar, eu colocar o Ebinho e aí não tenho como mexer no banco. É uma situação meio difícil. Os demais jogadores são os mesmos, Jair, Edson, Rafael, a volta do Eduardo, Deca indo para sua posição de origem na lateral esquerda, no meio Jorge Wagner, Rogério e Fernando, na frente seria o Janêldo, o Luiz Paulo. Já o João Neto a gente espera o resultado do Luiz Paulo”, disse o técnico.
A vitória pode definir a classicação do Touro para as semifinais do campeonato.  Lira disse que conversou bastante com os jogadores sobre a responsabilidade deste jogo e que o time treinou bastante. Ele ressaltou para o time que deve ser evitada a morosidade no início das partidas como ocorreu em jogos anteriores e evitar cometer os mesmos erros.
“Temos que entrar mais focados, mais determinados, para não sermos surpreendidos como aconteceu no jogo contra o Bahia, contra o próprio Jacobina, e o Juazeirense, mas graças a Deus conseguimos empatar com dois e vencer o Juazeirense.
Em relação a Jorge Wagner, ele destacou que a participação do jogador tem sido altamente positiva não só dentro de campo, mas também fora, orientando os mais jovens.
O atacante João Neto, que passou duas temporadas defendendo o time adversário Jacobina, disse que o jogo não será fácil, mas que sabe que é preciso continuar pontuando e superar seu ex-clube para o Touro conseguir uma boa pontuação.
Com informações do repórter Ed Santos do Acorda Cidad

Veja domingo: quadrilhas assaltam minas no interior baiano

O interior baiano vem se destacando por suas minas de ouro e pedras preciosas. E também pelos assaltos a elas. Os mineiros estão aterrorizados pelas quadrilhas e pedem ajuda até à sua santa protetora: Santa Bárbara. Mas é muita responsabilidade para uma santa só. Domingo o Fantástico mostra como está a vida no eldorado do sertão baiano





Justiça do Trabalho não deveria nem existir, diz deputado Rodrigo Maia


Justiça do Trabalho não deveria nem existir, diz deputado Rodrigo Maia
O presidente da Câmara dos deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) declarou que o projeto de terceirização será votado nesta quinta-feira (9) durante evento em Brasília. “Vamos votar amanhã [quinta]. A proposta do governo [de reforma Trabalhista] é tímida, acho que há temas que precisamos avançar”, disse.  Apresentado pela primeira vez há 19 anos, o projeto anistia débitos e penalidades aplicadas a empresas que praticam terceirização. O presidente da Câmara disse ainda que juízes do trabalho tomam decisões “irresponsáveis”, que quebraram bares, restaurantes e hotéis no Rio de Janeiro, e que a Justiça do Trabalho “não deveria nem existir”. “O excesso de regras no mercado de trabalho geraram 14 milhões de desempregados”, afirmou. Maia afirmou também que o Congresso teve que aprovar a regulamentação da gorjeta. “Tivemos que aprovar uma regulamentação da gorjeta porque foi quebrando todo mundo pela irresponsabilidade da Justiça brasileira, da Justiça do Trabalho, que não deveria nem existir”, disse. “Acho que a gente vai avançar na regulamentação trabalhista. Infelizmente, o presidente Michel...



‘Ameaça espiritual’ é considerada crime de extorsão pelo STJ


 

Trombone News


Em decisão unânime, a Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) considerou que a ameaça de uso de "forças espirituais" para constranger alguém a entregar dinheiro configura crime de extorsão - ainda que não tenha havido violência física ou outro tipo de ameaça. 

O caso aconteceu em São Paulo. Segundo o processo, a vítima contratou os serviços da acusada para realizar "trabalhos espirituais de cura". A ré teria induzido a vítima a erro e, por meio desses atos de curandeirismo, obtido vantagens financeiras de mais de R$ 15 mil.

Tempos depois, quando a vítima passou a se recusar a dar mais dinheiro, a mulher a ameaçou. Segundo a denúncia do Ministério Público, a acusada pediu R$ 32 mil para desfazer "alguma coisa enterrada no cemitério" contra seus filhos. 

A ré foi condenada a 6 anos e 24 dias de reclusão, em regime semiaberto. No STJ, a defesa pediu sua absolvição ou a desclassificação das condutas para o crime de curandeirismo, ou ainda a redução da pena e a mudança do regime prisional. 

Segundo a defesa, não houve nenhum tipo de grave ameaça ou uso de violência que pudesse caracterizar o crime de extorsão. Tudo não teria passado de "algo fantasioso, sem implicar mal grave apto a intimidar o homem médio". 

Para o ministro Rogério Schietti, relator da ação, os fatos narrados são suficientes para configurar crime de extorsão, previsto no artigo 158 do Código Penal. "A ameaça de mal espiritual, em razão da garantia de liberdade religiosa, não pode ser considerada inidônea ou inacreditável", disse. "Para a vítima e boa parte do povo brasileiro, existe a crença na existência de forças sobrenaturais, manifestada em doutrinas e rituais próprios, não havendo falar que são fantasiosas e nenhuma força possuem para constranger o homem médio", escreveu Schietti. 

Em relação à desclassificação das condutas para curandeirismo, previsto no artigo 284 do Código Penal, o ministro destacou o entendimento do Tribunal de Justiça de São Paulo de que a intenção da ré era, na verdade, enganar a vítima e não curá-la de doença. 

O STJ negou a revisão da pena da curandeira e determinou, ainda, sua execução imediata. Para Schietti, o tribunal paulista acertou ao considerar, no cálculo da pena, a fragilidade da vítima e os prejuízos psicológicos causados.

Caninhada fo Perdão



 Lançamento do livro "Maria, quem é essa Mulher?" - Domingo 12/03

Neste domingo (12/03), às 10:30 horas, durante o encerramento da Caminhada do Perdão na Praça da Matriz em Feira de Santana, será lançado o livro "MARIA - QUEM É ESSA MULHER?" - de autoria do Arcebispo Emérito de Feira de Santana Dom Itamar Vian e Pe. Hipólito Gramosa. Neste tempo em que a Igreja Católica no Brasil celebra o "Ano Nacional Mariano", este livro é um apelo para continuarmos na escola da discípula fiel do Mestre Jesus Cristo para que, assim como ela, possamos ser fiéis discípulos e propagadores constantes dos ensinamentos do Senhor, para que sempre como Maria, possamos dizer: "Faça-se em mim segundo a Tua Palavra" (Jo 1,38). Esta obra pode ser encontrada nas livrarias da cidade, pelo valor de R$ 10,00 (dez reais) e toda renda será destinada ao Dispensário Santana.